WhatsApp

Fechar busca

Digite o nome do produto

Digite o nome do produto e toque em Ir ou selecione um produto da lista.
R$ 0,00

Meu Carrinho

Indique amigos e ganhe créditos em nossa loja!

A cozinha é um ótimo lugar para se conectar com os filhos pequenos – em época de férias, a atividade se transforma em solução de entretenimento, e que ainda rende um lanche ou refeição na sequência. Receitas de cookies, gelatina, bolo, mousse, sopa e pizza podem ter a participação de pequenos de diversas idades. Mas...
 
Mas é preciso ter em mente que a cozinha é lugar propício a acidentes domésticos. Lá tem faca, tomada, forno, fogão, fósforo, vidro, sacos plásticos… A seguir você confere quais são os pontos que merecem toda a atenção antes e durante o preparo de alimentos junto dos pequenos.
 
1) Receita escolhida, separe todos os utensílios antes que as crianças entrem na cozinha. Divida o preparo em setores: o que cada um deve fazer precisa estar previamente planejado, para evitar que você perca os movimentos de todos de vista, e que, nesse momento, alguém mexa na faca ou puxe a panela que está no fogo.

2) Lavar as mãos e prender os cabelos antes de cozinhar é uma regra de higiene importante.

3) Explique as regras ao entrar no recinto. Combine, por exemplo, que quando o pano de prato está estendido na frente do forno, é porque ele está ligado. 

4) Procure usar as bocas de trás do fogão, para evitar que as crianças se acidentem tentando ver o que tem na panela.


5) Cabos de panelas devem estar virados para trás e/ou dentro do fogão. Facas e demais cortantes e perfurantes devem ficar longe do alcance das crianças. 

6) Um pequeno pano úmido sob a tigela de inox impede que ela escorregue – bom para evitar um banho de farinha de trigo no chão da cozinha, por exemplo.

7) Crianças pequenas (2-3 anos) gostam e são boas para misturar e amassar. Elas precisam de acompanhamento o tempo todo, além da paciência do adulto, já que ainda não têm a coordenação motora sob domínio.

8) Crianças um pouco maiores (3 em diante) podem ajudar a medir e contar, sempre acompanhados. Não subestime a capacidade dos pequenos de quebrar ovos – eles aprendem rápido. É necessário lavar as mãos depois de tocar em ovos.

9) Se a receita envolver cortar e ralar alimentos, deixe essas etapas pré-preparadas.

10) Alguns alimentos macios, como cogumelos, ovos e batatas cozidos podem ser cortados com a espátula de manteiga. Taí um bom treino para quando chegar a hora de pegar na faca de verdade. 

11) Ervas como salsinha, coentro e dill podem ser picadas com a ajuda das crianças com tesoura sem ponta.

12) Crianças não devem ter acesso, nem operar sozinhos aparelhos como liquidificador e batedeira. Elas podem apertar os botões, mas só quando você der o ok.